Participe

Deixe seu testemunho ou depoimento aqui.

Se você já passou por alguma experiência relacionada a tratamentos religiosos mas conseguiu encontrar a verdadeira paz interior, deixe seu testemunho nos comentários.
Alguns testemunhos poderão ser transformados em post, se preferir deixe um contato para informarmos sobre postagens futuras e pedirmos autorizações.
Lembrando que os comentários são moderados, portanto os testemunhos não serão automaticamente postados.
Aceitaremos postagens anônimas, mas não garantimos que todas serão postadas, umas vez que muitos usam do anonimato para desvirtuar o assunto do blog ou proferir opiniões contrárias ou ofensas.
Todas as postagens poderão ser retiradas do ar posteriormente mediante pedido dos autores.

9 comentários:

Anônimo disse...

Uma vez pedi a Deus. Senhor Jesus, se é de sua vontade que eu seja gay e você assume que é isso que você quer para mim, independente da cruz que que eu tenha que levar ou do pecado que meu pai ou minha mãe tenha cometido, independente atá mesmo do que você permitiu estar escrito na bíblia. Se você quer isso para mim me deixe ser gay, ainda que eu não queira, me ajude a aceitar a mim, caso contrário, se seu poder é maior do que eu a quem chamas de "uma gota no ocenao" e se sua vontade é que eu tenha nojo à homem então me faça ter nojo, ainda que eu não queira, contra a minha própia vontade. Caso você tenha poder e não queira agir, eu quero mudar de Deus. Pois quero um Deus que aja e não um Deus que tenha poder apenas. Sou assim, pois quando morrer Deus poderá fazer o que quiser comigo, mais não poderá pronunciar um só palavra da bíblia em relação ao assunto pois, quem cala com o poder consente.

Sorria Sempre disse...

Olá anônimo!
Já fiz orações parecidas e até hj deus não me respondeu. Bom... Estou fazendo um post sobre a biblia e a homossexualidade e falarei mas sobre o assunto em breve. Volte mais vezes ao blog e deixe suas opiniões e experiêcias nos posts. Obriado pelo comentário!

Wilton Martins disse...

Bem sei que o assunto é um tanto delicado quanto colocar na cabeça dos "bitolados' que isso não é doença,nem demônio,nem pecado,nem disfunção comportamental e que nem oração pode mudar...Sabemos que somos gays pelo fato de os heteros saberem que eles são heteros e ponto final.Se ser Gay é uma opção,talvez o mundo é Bissexual,pois ja que dizem que é uma opção,acho que meu pai e minha mãe são gays disfarçados também ou eles simplesmente acordaram e disseram:Ah Hoje eu vou ser Gay,pois essa vida de Hetero é dificil sabe etc...Então sem mais queridos,Gay não é demônio e Deus não pode mudar pois é da natureza humana,e não é aberração...Gays existem e sempre vão existir!!!Na verdade Passei durantes 8 anos de minha vida na igreja orando,jejuando,namorei belas garotas ia ao monte 2x por semana sempre pedia a Deus que mudasse pois Ele tem poder pra fazer isso!Falta de fé???Não foi,isso posso lhes confirmar!Fiz de tudo enfim quando completei 18 anos minha vida estava um caos,muitos problemas familiares,mãe fora do país,pai crente bitolado é um namorado!Ai ai ai,foi dificil pra mim no começo,achava tudo estranho,mas afinal houvera eu lutado tanto pra parar naquilo?Resolvi então encarar a"fera bitolada"cheia de principios morais e condutas de vida de uma pessoa criada pra ser "correcto",meu PAI.Cheguei por muitas das vezes querer me suicidadar,e foi exatamente isso que iria fazer...No natal de 2008,tinha sido um ano duro para mim,minha mãe presa por algo que ela nunca havia feito,mas teve de pagar por aquilo.Eu longe de casa morando só,la pras bandas do aeroporto(eu trabalhava lá e era mais perto e resolvi ter minha vida independente)Escrevi uma carta pra minha familia dizendo o que eu realmente era,ja que Deus iria me mandar pro inferno por eu ser daquele jeito,eu ja prefiria me suicidadar,pois iria parar la de qualquer forma(inferno).Irônia do destino ou não,naquela noite quando retornei do trabalho cansado desanimado,o natal mais sem graça,recebo a ligação de minha tia dizendo que meu irmão havia se suicidado,pegou uma corda e se enforcou...Olha até hj é dificil pra mim aceitar isso,mas estou eu aqui pra contar a história.Assim...dai eu não tive a coragem de fazer aquilo pois minha mãe,coitada entrou em estado de choque com a noticia e ela la presa não pode fazer absolutamente nada!Bem em janeiro voltei pra casa do meu pai,e tive uma conversa com ele friamente,cheguei e disse:"Pai sei que isso pode soar um tanto esquisito,mas não tenho como negar.Eu sou gay e estou conhecendo um rapaz ai!
Meu pai virou com o olhar(se os olhos dele soltassem fogo eu jaera ali)Ele deu um soco na mesa e gritou:"Você esta louco?Comeu merda?Eu não vou aceitar isso em casa,em casa não!"E dai foi o bafafa!
Mas veja bem,se Deus podesse me mudar,você acha que durante 8 anos na minha vida orando,jejuando,indo a montes,sendo batizado em liguas,Ele ja não teria me transformado???Eu comecei cedo na igreja,fui obreiro principal da casa de Deus e nunca jamais olhei outros homens com desrespeito.E ja estava pra me tornar pastor mas por Deus,isso não aconteceu pois Ele sabe de tudo e sabe que eu viveria uma vida de mentira e repreensões de minha própria natureza sexual.
Bem hoje resumindo tudo,minha vida esta uma benção ja namoro a 3 anos eu e meu namorado nos damos super,ultra,mega,hiper bem.Ano que vem estaremos nos casando e irei ir morar com ele em Uberlândia/MG...Minha familia estão todos ciente disso e da minha felicidade.Hoje mamãe também ja sabe,ama o meu namorado de paixão e o tem como filho meu pai esta naquelas de orar por mim e achar que um dia eu mudo...Paciência não é?Mas ele também ja conhece meu namorado e esta respeitando numa boa...eu disse a ele que ele não era obrigado a aceitar mas respeitar era um dever.Então é isso que ele esta fazendo.

Anônimo disse...

Foi aos seis anos de idade (aproximadamente) que tive meu primeiro contato com outro homem, foi com um vizinho meu, ele me chamou pra irmos ao quintal e lá ele me acariciou e pediu que eu fizesse o mesmo com ele, essa foi minha primeira experiência, comecei a ter algumas com alguns coleguinhas meus, até o dia em que minha mãe resolveu me por pra fazer PRIMEIRA COMUNHÃO, me tornei muito temente a Deus e me sentia um lixo, por ter desejos por outro homem, porém não fazia ideia que com o passar do tempo as coisas só iriam aumentar, pois meus homônios iriam fazer com que meus desejos só aumentassem. Fiz parte de todos os grupos da igreja e finalmente, como não conseguia sentir desejo por mulheres, resolvi ser PADRE, me tornei o orgulho da família, porém estava na verdade fugir de mim mesmo, dos meus desejos... Seis meses antes de entrar no seminário, me tornei protestante da ASSEMBLEIA DE DEUS, a igreja mais homofóbica que possa existir, lutei contra mim, já estava com 20 anos de idade e meu desjo só aumentava, orava muito, chorava, todos os dias implorava a Deus pra me livrar dos meus desejos, sofri anos pois vivia infeliz, tive uma namorada, namorei dois anos e nunca tive relações sexuais com ela, só a fiz infeliz e fui infeliz com ela. Até que um dia resolvi me aceitar, hoje tenho UM NAMORADO, estamos namorando há um ano e um mês, sou feliz, realizado, o amo muito, finalemente me encontrei e vi que não fazia nada de errado, Deus me fez assim, hj me sinto muito mais perto dele do que antes, sou feliz, sou gay.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Adoreiiii o site que continuem crescendo...eu ja fui hetero e ADVENTIISTA hoje sou feliz assim e sei q DEUS mee ama... sempre

NUNES LORO disse...

Eu já entrei nesta em 1993, com está loucura de cura e libertação, entrei em uma instituição religiosa, fiquei 10 anos lá curado kkkk não teve um dia que não senitsse desejo por outros homens, o que eles chamam de cura eu chamo de renúncia de desejos e isto independe de orientação sexual.Fiquei envolto a religião durante 10 anos, os últimos 4 como Pastor ,casado e pai sicneridade maior loucura.Casado conheci um rapaz da igreja, nos apegamos afetuosamente me separei deixei o ministério e assumi minha postura.Conclusão não existe cura, existe renúncia e outra esta tal causa problemas de ordem emocional graves e pra isto a igreja não propõe cura.Tive que fazer muita terapia pra me aceitar e saber que Deus me ama como sou.Pior na igreja existem problemas o suficiente inclusive em meio aos pastores, muita mentira, falsidades, roubos e exploração da fé alheia dos menos esclarecidos. O Estado deve ser mesmo Laico e a Igreja deveria se preocupar e acertar seus próprios ponteiros e ajudar quem os procura.
há 3 minutos · Curtir
A vida de quem ministra curas deste tipo não é nenhum exemplo a ser seguido, deveriam lançar campanhas pra curar, má índole dos nossos governantes e ministros do evangelho, mas isto raramente alguém fala, o rabo presso não deixa.Eu fui pastor e sei muito bem o que a igreja é capaz de fazer, sei muito bem o que se passa por de trás dos pulpitos...curar o que não é doença, libertar o que não há de ser liberto e fazer campanhas como estas é uma vergonha, um ataque a diversidade e dignidade do outro.

http://loronunes.blogspot.com/

Ednei Nascimento disse...

SOU EDNEI NASCIMENTO E SOU A PROVA QUE RELIGIAO NAO CURA A HOMOSSEXUALIDADE DE NINGUEM SE EXISTE UM EX GAY
SOU A PROVA FUI LEVITA (CANTOR GOSPEL) DURANTE QUINZE ANOS E HOJE ESTOU AQUI PRA DZER QUE NAO EXISTE CURA GAY ,CAIR EM DEPRESSAO DUAS VEZES NAO ENTEDENDO QUE TAVA NO ARARIO FUI VITIMA DE PRECONCEITO POI FUI DEMITIDO DAS ESCOLAS AS PESSOAS NAO ENTENDEM POIS FUI PROFESSOR DE ENSINO FUNDAMENTAL E CAIR NUMA DERESSAO PROFUNDA
AOS 27 ANOS VIM DESCOBRIR A MINHA ORIENTAÇAO SEXUAL UM POUCO TARDE PARA SAIR DO ARMARIO MAS ENFIM SAIR SOU CANTOR E ADORO A MUSICA HJ TENHO 33 ANOS ednei

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...